Sunday, July 23, 2006

Dilema Americano

Já me questionei várias vezes pelo asco que sinto pelos EUA.
É, no fundo, uma enorme dicotomia.
Detesto aquele país...nada tenho contra os seus cidadãos (bem...a reeleição deste cowboy louco deixou-me mais no meio da ponte...).
A minha vontade de visitar os EU é nenhuma...e a cidade que mais quero ver é Nova Iorque (estranhamente não a vejo como parte integrante dos EU...).
O que muitos vêem como sentido patriótico Americano eu vejo como cegueira conduzida.
Existe uma virtude monstra num país que se une como se une nos tempos de tragédia (vide 11/9), no entanto o motivo que leva a esse mesmo sentimento não me parece alicerçado na cidadania pura e no patriotismo orgulhoso mas na absoluta ignorância do que se passa além fronteiras.
Li, não sei onde nem quando, que uma percentagem muito grande de N. Americanos não saberão quais os países com os quais fazem fonteira.
São domesticados à nascença de que o mundo termina no seu quintal.
Depois temos o idiota que os governa (não quero dizer que NOS governa mas nem me soa a mentira), um mentecapto (ex) alcoolico, filho de um outro que já o era, perito em falir empresas e que deve a sua fortuna a uma venda da sua equipa de futebol americano....e nem esta venda foi verdadeiramente um negócio, foi uma esmola dada por quem o queria na casa branca e sabia que um tipo menos que milionário nunca ganharia.
A América profunda é, obviamente, iletrada funcional. Este idiota que representa tudo o que me desagrada naquele país, foi eleito pela "província" e perdeu nos centros americanos mais esclarecidos.
Tenho Pena....Temos todos pena.
Olho para o Iraque como uma birra de menino que quis limpar a merda que o pai fez e entristece-me que o mundo "dollardependente" tenha seguido.
Os idiotas nem o Bin Laden apanharam, a fonte e objectivo primeiro de tudo isto, e berram vitória.
O camelo texano foi pro porta aviões festejar a vitória no Iraque e tem ainda um país longe de ser domesticado.
Vamos ver agora com a Líbia....
Acabaram de lhes mandar um carregamento de "mísseis inteligentes" (aos israelitas claro).
Será que agora não se vão meter? Será o lobby judaico? Será que não são, agora, os protectores do "free world"?
Olhem, isso de misseis inteligentes é balela.
Missil que fosse VERDADEIRAMENTE inteligente já se tinha dirigido ao cú do Cowboy Alcoolico Megalomano Iletrado (aka Bush).

1 Comments:

Blogger dronbyfoto said...

Your are Excellent. And so is your site! Keep up the good work. Bookmarked.
»

1:15 PM  

Post a Comment

<< Home